quarta-feira, 13 de maio de 2015

Futsal em Lviv

Eu já andava desconfiado de que as regras do futebol de 11 na Ucrânia eram ligeiramente diferentes das de outros países.
Agora ando também a suspeitar do mesmo em relação ao futsal.

Ontem, depois de 3 anos afastado dos terrenos de jogo, fiz a minha estreia a jogar futebol de salão na Ucrânia.
Eles eram quase todos ucranianos, e mesmo dentro dos poucos estrangeiro que ali estavam eu era dos poucos que não conseguia perceber nada ucraniano.

O pessoal em geral percebia quase tão pouco de futebol quanto eu, por isso, a minha baixa forma, foi boa o suficiente para que não perdêssemos jogo nenhum (0-0, 0-0, 3-0, 1-1, 3-2).

Um coisa que me agrada bastante na Ucrânia é que a maioria para das pessoas, gosta de futebol, por isso é relativamente fácil encontrar com quem jogar.

O ponto da discórdia, refere-se ao 'ombro'. Eu sempre ouvi dizer que, a nível futebolístico, o ombro faz parte do braço. Mas pelos visto o pessoal aqui não concorda. Ontem, por várias vezes os jogadores das outras equipas recorreram ao ombro para controlar a bola e isto sem que ninguém [além de mim] reclamasse fosse com o que fosse.
Bom, não sei se aqui na Ucrânia são mesmo estas as regras do futsal, ou se isso só é válido para o futebol de rua.

Entretanto, no último minuto do último jogo, tropecei em mim próprio e dei um esticão no tornozelo. Ando a por gelo no tornozelo e é-me muito difícil andar.
Esperemos bem que isso passe e não seja nada de grave.

Não tenho vontade nenhuma de me pôr a ir visitar hospitais ucranianos.  

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.